Boletim Técnico 100 - Recomendações de Adubação e Calagem para o Estado de São Paulo

Estoque: 0

Carregando...

A agricultura paulista é bastante singular quanto à utilização de tecnologia, nela coexistindo desde a empírica de subsistência, até a do limiar do conhecimento científico e tecnológico. De modo geral, ela é conservadora quanto aos sistemas de produção, considera pouco relevantes para a preservação do ambiente rural, a eficácia produtiva e a qualidade do produto, para atendimento de um mercado cada vez mais exigente e diversificado. Podese considerá-la como uma atividade de altas perdas, dos insumos aos produtos e, regionalmente, pouco homogênea quanto à adoção de técnicas adequadas. Lado a lado, convivem áreas em exploração produtiva, competitiva e ecologicamente corretas, com outras de baixa produtividade, alto risco econômico e, principalmente, em acelerado processo de degradação. O solo, substrato onde as plantas de desenvolvem, nem sempre assegura o pleno fornecimento dos minerais e outras substâncias de que elas necessitam, nem lhes garante a expressão de seu potencial produtivo. Altamente complexo, podendo até ser considerado como um organismo vivo, o solo fornecedor de nutrientes às plantas, é fator de produção tecnicamente de fácil modificação e ajuste. Conhecer os limites desses ajustes, as suas relações com a produção e com a qualidade do produto e do ambiente, é fundamental ao exercício da arte da agricultura, ou da agricultura como arte. O Instituto Agronômico (IAC) tem desempenhado, na área da nutrição das plantas e da adubação e correção do solo, um extenso, continuado e profícuo trabalho de definição de como, quanto e quando modificar o solo para o alcance dos objetivos produtivos. Assim, o IAC apresenta esta nova edição do Boletim 100, que traz de forma organizada, as informações básicas e necessárias ao entendimento das respostas das plantas ao ambiente solo e, pragmaticamente, recomenda a sua correção e adubação. Este trabalho representa o somatório da experiência e vivência da maioria do corpo técnico do IAC e de colaboradores da CATI, CCA-UFSCar, CENA-USP, COPERSUCAR, EMBRAPA, ESALQ/USP, Instituto de Zootecnia (IZ), MA-Pró-Café, além de especialistas da iniciativa privada. Acompanhando a vocação da agricultura paulista e por causa da sua diversificação, não poderia ser diferente este Boletim, que contém recomendações técnicas sobre mais de uma centena de espécies, recomendações essas também válidas e aplicáveis a outras regiões com condições edafoclimáticas semelhantes.

Deixe seu comentário e sua avaliação







- Máximo de 512 caracteres.

Clique para Avaliar


  • Avaliação:
Enviar
Faça seu login e comente.

Características


  • Edição: 2
  • Editora: Instituto Campineiro de Ensino Agrícola
  • Autor: Bernardo van Raij
  • Ano: 1997
  • Número de páginas: 285

Confira os produtos